Conteúdo

Turnover – Saiba como evitar a rotatividade e reter seus talentos

Uma pesquisa da Robert Half e publicada na EXAME aponta que a rotatividade dos trabalhadores brasileiros aumentou em 82%, no período de 2011 a 2014, contra 38% no mundo. Segundo a publicação, os principais motivos que levam os funcionários a deixarem seus empregos no Brasil são:

  • remuneração baixa e falta de reconhecimento (33%)
  • desmotivação (30%)
  • preocupação com o futuro da companhia (29%)
  • baixo equilíbrio entre trabalho e vida pessoal (26%)

 

No mundo todo, a média do turnover foi de 56%, enquanto que no Brasil as empresas tiveram dificuldade em reter 59% dos seus talentos.

Um artigo publicado pelo Marcílio Drummond, na Jusbrasil, mostra que perder colaboradores é sempre nocivo para uma organização, ainda mais quando se trata de bons funcionários. Além disso, diz ele, outro problema é que os empresários têm que arcar com os seguintes gastos:

  • rescisão do antigo profissional;
  • despesas de seleção do novo contratado;
  • disponibilizar outro profissional para treinamento e capacitação do novo colaborador.

Mas como evitar fatores que causam um alto índice de turnover e que estão diretamente ligados à motivação no ambiente de trabalho?

Bem, o artigo também lista algumas dicas para reduzir a rotatividade de colaboradores da sua empresa.

  1. Faça uma entrevista pessoal com o colaborador demitido ou que pediu demissão para entender o real motivo;
  2. Compare o salário que é oferecido pela sua empresa com outras similares e concorrentes;
  3. Perceba se sua empresa tem um plano de carreira claro e transparente;
  4. Observe como é feita a capacitação e reciclagem dos seus funcionários;
  5. Leia atentamente, se houver, as políticas de plantão de finais de semana, feriados e horas extras;
  6. Confira os atestados médicos;
  7. Leia ou faça pesquisas de clima na sua empresa.

 

Além dos pontos importantíssimos levantados acima e levando em conta que um ambiente de trabalho saudável influi e muito na decisão dos colaboradores em deixar ou não a empresa, faça-se também as seguintes perguntas:

Sua empresa…

  1. Possui políticas de trabalho, viagens, suporte a família, sono, saúde, alimentação e atividades físicas? Nos dias de hoje as pessoas não buscam apenas salário, mas outros benefícios que as permitam ter uma melhor qualidade de vida e serem mais saudáveis.
  2. Se preocupa com os indicadores de absenteísmo, presenteísmo e engajamento? Enquanto que o absenteísmo ocorre muitas vezes devido a problemas de saúde e familiares dos colaboradores, o presenteísmo atua no sentido de a pessoa estar de corpo presente no trabalho, porém seu pensamento está nas próximas férias. Já uma pessoa extremamente desengajada não só é improdutiva como também prejudica a empresa propositadamente.
  3. Promove uma qualidade do ar interna saudável e fornece água para consumo humano livre de contaminantes e gosto? Muitas vezes, pequenas intervenções no sistema de ventilação e ar condicionado, além de fornecimento de água potável para consumo com ótima qualidade são fatores que contribuem para diminuir o absenteísmo dos seus colaboradores por problemas de saúde e melhorar o rendimento no trabalho.
  4. Faz pesquisas de clima e de conforto? Entender como as pessoas se sentem no trabalho, se o mobiliário é confortável, se a iluminação está adequada, se a temperatura agrada a maioria, se os ruídos não estão atrapalhando a produtividade, são formas de prever a satisfação dos colaboradores como um todo e elaborar planos de correção e ação para estimular a produtividade e o engajamento dos seus funcionários.

Promova um ambiente saudável, mostre para seus colaboradores que a empresa está alinhada com suas metas pessoais e que está disposta a influenciar direta e indiretamente na sua saúde, qualidade de vida e bem-estar. Ninguém deixa seu posto e vai para um concorrente apenas por salário, muitos outros fatores são levados em consideração nessa transição. O baixo equilíbrio entre salário e vida pessoal é o responsável por 26% das mudanças de emprego. Por isso, saia na frente e retenha seus talentos. Nunca se esqueça, são eles a sua empresa.

Obrigado e até a próxima!

StraubJunqueira